Jogo legal em Portugal

Jogos de casino em linha, poker online e apostas desportivas autorizados em Portugal

Jogo Legal Portugal

Atribuída primeira licença lusa para mercado de liquidez partilhada

23 Maio 2018

No passado dia 21 de Maio de 2018 foi atribuída a primeira licença orientada para um mercado de liquidez partilhada em Portugal. Esta licença visou a única operadora que atualmente oferece serviços de póquer online no país, a PokerStars e fará com que o nosso país possa, agora de forma oficial, integrar o mercado também integrado por Espanha e França e ao qual, brevemente, se juntará também Itália.

A decisão da atribuição da primeira licença nacional para o mercado de liquidez partilhada pode ser lida no Averbamento nº1 da licença nº5, atribuída, em 2016, à empresa REEL Europe Limited pela entidade responsável, o Serviço de Regulação e Inspeção de Jogos do Turismo de Portugal (SRIJ). Esta é a empresa que, em Portugal, explora o site da PokerStars. Este averbamento partiu das mãos da Comissão de Jogos do Turismo de Portugal que, após a deliberação, na reunião do dia 21 de Maio, decidiu permitir à Pokerstars o exercício de novas variantes de jogos de fortuna ou azar.

Entre as modalidades de jogos que a partir de agora podem ser exploradas por esta entidade encontram-se as de Póquer em modo de torneio; a de Póquer no modo de “Omaha” e a de Póquer em modo de “Hold’ em”. A partir deste momento, com a entrada em vigor do averbamento acima referido, a PokerStars passa oficialmente a poder fazer a exploração dos jogos de póquer dentro de um mercado de liquidez partilhada.

A decisão apresentada neste averbamento foi tomada por consenso entre os principais responsáveis da comissão de jogos, nas pessoas do seu presidente, Luís Araújo; da sua vice presidente, Teresa Monteiro e também do Diretor Coordenador do Serviço de Regulação e Inspeção de Jogos, Luís Cordeiro.

Esta notícia era já bastante aguardada desde que a formação de um mercado de liquidez partilhada entre Espanha, França, Portugal e Itália tinha sido divulgada. Ainda assim, vale a pena salientar que, na atualidade, no seio do nosso país, existe uma licença única para a exploração do póquer, sendo a PokerStars a única operadora que pode, de forma legal, impulsionar este tipo de torneio.

A partir de agora, a Pokerstars poderá integrar, também, este mercado de liquidez partilhada, dentro das modalidades de jogos de fortuna e azar referidas, sendo que os jogadores nacionais continuam à espera de novos sites e operadores que explorem esta atividade em solo nacional.

PokerStars


Notícias de poker online legal em Portugal

Portugal legaliza spins na sua oferta de póquer online

29 Abril 2021 — Uma nova alteração na lei nacional veio permitir a integração de spins no mundo do póquer online em Portugal. A integração das novas Regras dos Jogos de Póquer Online em Modo de Torneio em Diário da ...

888poker lança bónus duplo de boas-vindas

30 Outubro 2020 — O 888poker é um dos sites portugueses que explora os jogos de fortuna e azar. Conhecido dos portugueses pelas suas oportunidades, principalmente no que diz respeito ao mundo do póquer, esta site conta...

SECOOP 2019 garante prémios no valor de 10 milhões de euros

25 Novembro 2019 — A PokerStars lançou a edição de 2019 do Southern Europe Championship of Online Poker (SECOOP). Esta edição garantiu uma prizepool no valor de 10 milhões de euros, sendo que o MainEvent valia, por si s...

888.pt recebe licença para póquer online

5 Julho 2019 — 888.pt tinha já recebido, em Janeiro do corrente ano, a licença legal que lhe permitia a exploração dos jogos de casino. Desde que obteve esta licença, o site tem operado, sob o domínio da empresa 888...

Todas as notícias das salas de poker legais em Portugal

BacanaPlay
BacanaPlay

© 2021 JOGO-LEGAL-PORTUGAL.PT - Todos os direitos reservados - Webdesign por SIX DESIGN
Avisos legais - Termos e condições - Jogo Responsável - Contato
Jogo-Legal-Portugal.pt em Twitter   Canales RSS

A prática do jogo lucrativo podem envolver riscos graves como as dívidas de jogo, dependência e isolamento social.
É proibida a participação de menores em jogos lucrativos.

-18